Tecnologia para prevenção da violência

A prevenção e o combate à criminalidade, principalmente nos grandes centros urbanos, é um dos temas mais debatidos atualmente pela sociedade brasileira. Em entrevista concedida ao programa de TV do SIMPI “A Hora e a Vez da Pequena Empresa”, o coronel José Roberto Rodrigues de Oliveira, atual secretário de Segurança Urbana do município de São Paulo, destacou que, para enfrentar os desafios da gestão de segurança pública numa cidade com as dimensões da capital paulista, é imprescindível lançar mão de tecnologias inovadoras, focadas nos últimos avanços no campo da segurança.

Segundo o secretário, três iniciativas desenvolvidas e implementados pela prefeitura paulistana são exemplos desse esforço. “O SP+Segura é um aplicativo para celulares criado e desenvolvido para facilitar o acesso da população à informação em tempo real, em que os usuários podem avisar uns aos outros sobre ocorrências, por exemplo, falta de luz, queda de árvore, pichação ou qualquer tipo de crime; já o projeto City Câmeras é uma iniciativa que, através do monitoramento por câmeras espalhadas pela cidade, tem como objetivo inibir a ação de criminosos e aumentar a segurança e o bem-estar da população; e o Dronepol é um programa que prevê a utilização de drones para auxiliar na segurança da cidade, como a finalidade de auxiliar na detecção, prevenção e reação a situações de emergência, ocorrências e manutenção da cidade”, explica ele.

Por fim, o coronel Oliveira destaca que essas novas tecnologias vão permitir que seja possível agir de forma mais proativa na prevenção e no combate à criminalidade. “Esse trabalho poderá ser feito com menos recursos humanos e materiais”, conclui o coronel.

Compartilhe: