SIMPI/Datafolha: 9 em cada 10 pequenas indústrias não conseguiram acesso a crédito

Boletim de tendências
67 / 100 SEO Score

Levantamento realizado pelo Sindicato das Micro e Pequenas Indústrias (SIMPI) com o Datafolha, mostra que nove em cada dez (87%) micro e pequenas indústrias ainda não conseguiram ter acesso a crédito durante a pandemia. A dificuldade para obter empréstimo se reflete também na taxa de desemprego: 28% dessas indústrias já tiveram que demitir funcionários. “O crédito existe, pois o Governo disponibilizou esse dinheiro, mas os bancos impõem uma série de restrições e os pequenos não conseguem ter acesso as linhas”, diz empresário em pesquisa. A pesquisa SIMPI/Datafolha, realizada com 181 micro e pequenas indústrias do estado de São Paulo, no período de 25 a 29 de maio, e mostra que o impacto da crise do coronavírus mostra que 52% dessas indústrias está com a situação financeira ruim ou péssima, 16% em situação ótima ou boa e 32% em situação regular. O faturamento de 80% das micro e pequenas indústrias piorou em relação a pré-pandemia e 24% precisou aderir ao programa de diminuição de salário e jornadas de trabalho dos funcionários. Para o presidente do SIMPI- SP, Joseph Couri, a situação deve se agravar se o governo federal não intervir. “Já temos 15% das empresas fechando e 28% demitiram e nós estamos destruindo o mercado interno, fechando empresas, postos de trabalho e quebrando. Tudo isso porque as medidas que o governo anuncia e toma não chegam na ponta. Nós estamos utilizando metodologias velhas pra um problema novo, na contramão do que acontece no mundo”, afirma Couri.

Pesquisa: http://SIMPI.org.br/arquivos/4%C2%BA%20Boletim%20de%20Tend%C3%AAncias.pdf

Compartilhe: